Outcast S01E01

28 de maio de 2016

Publicado por Volney Tolentino

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no twitter
Tuíte isso
Compartilhar no whatsapp
Enviar no Whatsapp

Analisamos o primeiro episódio de Outcast e valeu muito a pena. Suspense, Horror e gostinho de quero mais!

Nome do episódio: A Darkness Surrounds Him

Data de lançamento: 03 de junho

NOTA: Vale lembrar que eu não li nenhum trecho da HQ, venho completamente virgem no assunto e irei passo a passo com vocês nessa longa jornada, espero muito a compreensão e colaboração de todos. Qualquer erro da minha parte, peço que alertem-me nos comentários!

Não vou entrar em muitos detalhes, até porque, para muitos a série é totalmente nova, e é verdade! Quem acompanha as HQs têm a noção e a pegada da série, como será daqui por diante. Aqui o modo de detalhar vai ser completamente diferente dos outros reviews que estou fazendo no site. Enfim, vamos direto ao assunto.

Somos apresentados primeiramente a uma criança, Joshua Austin (interpretado por Gabriel Bateman), perturbada logo no início. Chega até ser bizarro, mas demonstra um grau de horror bem elevado. Um Reverendo que é totalmente contraditório. Pastor/Reverendo é aquele que distribui a palavra e segue os dotes da igreja católica/evangélica. Obviamente irá passar e demonstrar algo correto, porém não. Como eu disse, contraditório. No início dá uma certa dúvida e uma estranheza de como será a série a partir daquilo. Kyle Barnes, nosso protagonista, aparece e quebra todas as expectativas. Um ótimo ator, Patrick Fugit arrasou! A versão dublada dá um desconforto imenso no início e ainda considero horrível, entretanto dá pra levar ao longo da série… O episódio conseguiu demonstrar clareza e objetividade, pegada séria e honrosa. O relacionamento de Kyle com sua irmã e a família da mesma. Como o povo da pequena cidade o vê. Muitas coisas assombram a cabeça de Kyle desde pequeno e história é o que não falta…

Venho a dizer também que estou completamente ansioso para assistir o segundo episódio. A todo momento você fica com vontade de saber quem é Kyle Barnes e o que ele fez com a sua mãe e ex-esposa, como ele tem esse “dom” mesmo não tendo fé em Deus. As cenas de exorcismo são boas, normais até. Há mentiras, obvio. É fantasia. Todavia há realidades também! Só o FX meio fraco, poderiam ter melhorado.

Aconselho a ver o episódio, clicando aqui, e Outcast já entrou na nossa programação! Não perca nenhum review, hein! A série foi renovada e terá por enquanto quatro episódios confirmados.

© 2020. Cebola Verde - "Versão 4.0: Cebolovers" / Developed by Mattz

DESCASCANDO!
CURRENTLY OFFLINE