Foto: Reprodução/Lucasfilm
Foto: Reprodução/Lucasfilm

STAR WARS: O ÚLTIMO JEDI Diretor defende prequels de George Lucas como “um lindo filme de sete horas”

As prequels de Star Wars de George Lucas tendem a ser difíceis para os fãs

O diretor Rian Johnson não é estranho a receber reações dos fãs de Star Wars depois de comandar The Last Jedi, então isso poderia explicar o porquê dele ter escolhido defender George Lucas e suas prequels (Ameaça Fantasma, Ataque dos Clones e Vingança dos Sith).

No entanto, o cineasta defendeu bastante a trilogia divisória, elogiando Lucas pela entrega, “um lindo filme de 7 horas para crianças sobre como o direito e o medo da perda transforma boas pessoas em fascistas, e o fez ao liderar quase todas as mudanças técnicas do mar no cinema moderno dos últimos 30 anos”.

Diga o que quiser sobre esses filmes, mas Johnson não está errado; Lucas fez grande uso de efeitos visuais de tela verde para criar ambientes (a norma para sucessos de bilheteria nos dias de hoje), enquanto suas intenções de contar a história da queda de Anakin Skywalker no Lado Negro tiveram muitos momentos fortes… mesmo que sua execução fosse falha.

De muitas maneiras, as sequências de Star Wars agora são mais divisórias que as anteriores, e The Rise of Skywalker enfrentou uma resposta muito mais negativa do que qualquer um dos filmes de Lucas. Johnson, enquanto isso, supostamente permanece ligado a outra trilogia, embora não haja nenhuma palavra sobre seu status.

Confira seus comentários abaixo:

DESCASCANDO AO VIVO!
CURRENTLY OFFLINE