Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Dublês fazem alegações sérias contra o showrunner Joss Whedon

Parece que a decisão do astro da Liga da Justiça Ray Fisher de se pronunciar contra Joss Whedon inspirou outros a fazerem o mesmo

O astro da Liga da Justiça, Ray Fisher, recentemente ganhou as manchetes quando acusou Joss Whedon de comportamento não profissional e abusivo enquanto o diretor dirigia as refilmagens do filme. Agora, várias outras alegações prejudiciais foram compartilhadas via Metro, desta vez com relação ao tempo de Whedon trabalhando em Buffy, a Caça-Vampiros.

O coordenador de dublês do programa de TV, Jeff Pruitt, chamou o cineasta de “egomaníaco” e afirma que ele disse à sua agora esposa, dublê, Sophia Crawford, que terminasse o relacionamento se ela quisesse continuar fazendo parte da série de sucesso.

“Na quarta temporada, eu estava de saco cheio e disse a eles que iria sair para dirigir a Second Unit em outra série”, diz Pruitt sobre o que se tornou um relacionamento tenso com Whedon quando o programa encontrou sucesso. “Os produtores me disseram que Joss reagiu como se eu estivesse tendo um caso ou algo pelas costas”.

Aparentemente, foi então que Whedon pediu a Crawford para continuar fazendo parte de Buffy, a Caça-Vampiros… desde que ela terminasse com Pruitt. “Fui chamada ao escritório e recebi um ultimato”, lembra ela. “E eles me disseram: ‘Volte para o show, mas você precisa deixar Jeff, ou não volte.’ E então eu basicamente comecei a chorar. E disse ‘Fod*-se. Isso é horrível, tchau.”

Embora essas alegações apontem definitivamente para um comportamento potencialmente não profissional, também não parece o maior crime da parte de Whedon e provavelmente é algo que acontece regularmente nas produções de Hollywood onde há sangue ruim. Até agora, nenhuma outra estrela importante se pronunciou contra o diretor, e ninguém de seu tempo trabalhando em Os Vingadores compartilhou comentários negativos.

Fisher, no entanto, respondeu com o seguinte:

DESCASCANDO AO VIVO!
CURRENTLY OFFLINE