“Cedo Demais”, longa de José Lavigne, começa a ser filmado

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Comédia traz no elenco jovens atores em destaque na dramaturgia nacional. Com produção da Raccord, filme será distribuído pela Fox Film do Brasil.

Começou a ser filmada no Rio de Janeiro a comédia “Cedo Demais”, de José Lavigne, que traz no elenco nomes de destaque da nova geração de atores brasileiros: Yuri Marçal, Thati Lopes, Vitor Thiré, Gabriel Godoy, Valentina Bandeira, Bella Camero e Kayky Brito. Roberta Rodrigues faz uma participação especial interpretando uma veterinária.

Com produção de Clélia Bessa, da Raccord, coprodução e distribuição da Fox Film do Brasil, o filme será todo rodado no Rio e terá locações como Lagoa Rodrigo de Freitas, Urca, Praia Vermelha e o Clube Costa Brava. “Cedo Demais” traz como protagonistas o trio Yuri Marçal (André), Thati Lopes (Dora) e Vitor Thiré (Lucas) e trata de forma leve, divertida e contemporânea questões como morte, traição, amor e amizade.

Na história, Dora se casa com Narciso (Kayky Brito) e no mesmo dia fica viúva. A situação se  complica ainda mais quando André e Lucas, amigos de infância do marido, apaixonam-se por ela e vivem um dilema sobre trair ou não a lealdade de Narciso. Para Dora, ainda é cedo demais para se envolver com alguém, mas os dois começam uma divertida disputa por uma chance no coração da viúva e, em meio ao luto, descobrem que o falecido não era o grande amigo que pensavam.

Os demais personagens são interpretados por Gabriel Godoy (Manolo), Bella Camero (Bianca) – os melhores amigos de Dora – e Valentina Bandeira (Bruna), ex-namorada de André, com quem divide a “guarda” do cachorro deles.

Entremeado ao enredo principal, “Cedo Demais” traz um pequeno curta-metragem de animação com cenas divertidas que ilustram o principal segredo de Dora. Apesar de ser uma terapeuta respeitada, ela sofre de ornitofobia, ou seja, tem pavor de aves. Esse arco paralelo faz parte da trama principal da produção e ganha destaque na abertura do longa, passando pela ação dramática, até os créditos finais.

“Cedo Demais” é dirigido por José Lavigne, diretor e roteirista de TV e cinema, que se destaca por trabalhos como “TV Pirata” (1988), “Casseta & Planeta, Urgente!” (1992), “Os Trapalhões” (1993), além de ter escrito e dirigido a série “Dicas de um Sedutor” (2007). No cinema, dirigiu o filme “Seus Problemas Acabaram” (2006) com o grupo Casseta & Planeta e é roteirista do ainda inédito filme “Pluft” (2020), de Rosane Svartman.

VOCÊ TAMBÉM PODE CURTIR