Sett, o Chefe l Temporada 2020

12 de dezembro de 2019

Publicado por Samuel Chaves

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no twitter
Tuíte isso
Compartilhar no whatsapp
Enviar no Whatsapp

Com o começo da nova temporada em menos de um mês, a riot Games nos apresentou o campeão Sett, o Chefe, como Lutador Porradeiro.

Sett, tem um kit voltado pro 1×1, sua troca de socos é muito boa, sendo um campeão fácil e forte, ele se tornará uma sensação nos elos mais baixos.


Vídeo com Habilidades

Suas habilidades ainda não tem tradução em português.

Reino Mech Sett – 1350 RP


Bio

SETT
O CHEFE

Mesmo sendo uma figura poderosa no próspero submundo criminoso de Ionia, Sett é de origem humilde. Nascido da relação de uma vastayesa ioniana com um humano noxiano, o “garoto-fera” foi rejeitado pela sociedade desde cedo. O nascimento de Sett horrorizou a comunidade vastayesa de sua mãe, que acabou expulsando a família por violar as normas da tribo. Os humanos de Ionia também não aceitaram muito bem essa união envolta em tabu. A fama do pai de Sett como lutador das arenas locais costumava evitar que a multidão expressasse seu desprezo.

No entanto, o pouco de segurança que tinham sumiu completamente quando o pai de Sett desapareceu. Aqueles que seguravam a língua quando viam o pequeno Sett ficaram livres para expressar todo o seu desdém. O garoto ficou desnorteado, sem saber aonde o pai tinha ido ou por que começou a atrair tantos problemas de repente.

Sett amadureceu rápido, ficando calejado diante das constantes ofensas e ameaças. Não demorou muito para que o meio-vastayês começasse a usar os punhos para calar todos os insultos. Quando boatos sobre as brigas chegaram até a mãe de Sett, ela o fez jurar que nunca chegaria perto das arenas noxianas onde o pai lutava.

Porém, quanto mais Sett brigava, mais pensava no pai.

Certa noite, ansioso para encontrar o homem de quem tinha apenas vagas lembranças, Sett saiu de fininho para as arenas após se certificar de que a mãe já havia dormido. Lá, o meio-vastayês ficou maravilhado com o espetáculo. Inúmeros soldados noxianos, que haviam acabado de atracar na costa de Ionia, clamavam por sangue nas arquibancadas ao redor de Sett. No centro da arena, lutadores de todas as origens e estilos de artes marciais batalhavam em terríveis duelos com diversas armas – e, caso ganhassem, eram bem recompensados com moedas noxianas. Quando o evento chegou ao fim, Sett saiu perguntando pelo pai e acabou descobrindo a dura realidade: o lutador noxiano havia cancelado o contrato e partido em busca de arenas mais lucrativas. Ele havia abandonado a família para ir atrás de fortunas do outro lado do mundo.

Com uma fúria ardente que queimava em seu peito, Sett pediu para que o gerente da arena o deixasse lutar, na esperança de que o pai voltasse da jornada e o enfrentasse em combate. O gerente agendou uma luta no evento seguinte, imaginando que o garoto seria presa fácil para um de seus lutadores mais talentosos.

Mas Sett mostraria que ele estava muito enganado.

Desde o primeiro soco, o “garoto-fera” provou ser uma sensação nos embates. A força bruta e a ferocidade do meio-vastayês compensavam a falta de treinamento formal em artes marciais. Sett batia de frente e atropelava qualquer adversário treinado. Sem abandonar a esperança de um dia enfrentar o pai, Sett não demorou muito para se tornar o incontestável “Rei da Arena” – título acompanhado de muito dinheiro e um rastro de oponentes derrotados.

Noite após noite, Sett trazia dinheiro e mimos para a mãe, sempre mentindo sobre a origem de tudo aquilo. O coração duro de Sett se enchia de alegria ao ver a mãe tão orgulhosa dele e livre do serviços pesados que era obrigada a fazer. Mesmo assim, Sett ainda sentia que poderia ir mais longe. Era bom ser o Rei da Arena, mas ser o dono dela… essa era a verdadeira fonte de lucro.

Certa noite, após defender seu título diante de um público recorde, Sett apresentou novas exigências ao gerente noxiano e seus sócios. Ele sugeriu que o grupo concedesse o controle da arena e todo o faturamento. Quando recusaram a proposta, Sett trancou as portas de onde estavam. Minutos depois, as portas voltaram a se abrir, revelando os noxianos gravemente feridos. Entre cuspidas de sangue, eles deram um anúncio: o meio-vastayês era o novo chefe.

Com os patrocinadores fora do caminho, Sett tomou o controle da arena onde tanto lutou. Os ionianos, cujo contato com a guerra ainda era recente, lotavam a arena e pagavam para satisfazer o recém-descoberto anseio por violência. Sett tirou vantagem dessa nova sede de sangue, transformando a arena no núcleo de um império clandestino de apostas e atividades ilícitas. A riqueza e o poder que ele conquistou ultrapassavam seus sonhos mais ambiciosos da infância.

O meio-vastayês, que antes reinava na arena, agora comanda seus negócios obscuros com a mesma determinação ferrenha. Se alguém ousa desafiar sua autoridade, ele mesmo cuida da situação. Cada soco de Sett simboliza um golpe bem dado na antiga vida de pobreza e rejeição, uma vida que ele pretende manter bem longe.

© 2020. Cebola Verde - "Versão 4.0: Cebolovers" / Developed by Mattz

DESCASCANDO!
CURRENTLY OFFLINE