PEÇA AJUDA: LIGUE 188

Ninjas in Pyjamas bate Elevate e termina primeiro turno da Pro League na liderança

Team Liquid vence clássico contra a FaZe Clan e encosta na ponta da tabela de classificação; torneio fará pausa para a disputa do Six Invitational 2020.

A primeira metade da fase latino-americana da Rainbow Six Pro League chegou ao fim nesta terça-feira (28), com um novo líder. A Ninjas in Pyjamas venceu a Elevate e assumiu a ponta da tabela, após a derrota da FaZe Clan para a rival Team Liquid. No complemento da sétima rodada, o MIBR conseguiu um importante resultado contra a Black Dragons, enquanto Team oNe e INTZ fizeram duelo acirrado que terminou em empate.

Agora, Ninjas in Pyjamas e Team Liquid têm 13 pontos, mas a NiP leva vantagem no principal critério de desempate – confronto direto. A FaZe ocupa a terceira posição com 12 pontos. INTZ e MIBR vêm logo atrás com 11 e 10, respectivamente. A Elevate é a sexta colocada com nove pontos, seguida por Black Dragons, com sete, e Team oNe, com apenas quatro. O público pôde acompanhar todas as partidas da Pro League ao vivo, nos canais oficiais do Rainbow Six Esports Brasil no YouTube e na Twitch.

O torneio fará uma pausa e retorna no dia 24 de março. Entre os dias 7 e 16 de fevereiro, as dezesseis principais equipes do cenário mundial de Rainbow Six Siege disputarão o título do Six Invitational 2020, em Montreal, no Canadá. O Brasil será representado por Team Liquid, FaZe Clan, Ninjas in Pyjamas e MIBR.

No início da noite desta terça-feira, a NiP abriu a rodada mostrando sua força no mapa Casa de Campo. Contra a Elevate, o time de Gustavo “Psycho” se posicionou bem na defesa e não encontrou dificuldades para abrir 5 a 1 no placar. Neutralizada, a Elevate até tentou reagir ao vencer duas rodadas seguidas, mas não foi párea para os Ninjas que estavam inspirados e fecharam a partida por 7 a 3.

Após a vitória, Julio “JULIO” contou que o conhecimento da NiP sobre a adversária foi decisivo para o bom desempenho da equipe: “Nós treinamos bastante com a Elevate e isso nos ajudou neste mapa. Já sabíamos como atacar e defender, então conseguimos anular bem o adversário”.

Em seguida, o clássico da rodada tinha muito em disputa. A FaZe precisava vencer para manter a liderança, enquanto a Liquid queria a vitória para passar a rival e encostar na NiP. No fim, melhor para a Cavalaria, que superou a rival em um jogo equilibrado e de alto nível. Depois de 11 rodadas apertadas no mapa Litoral, a Liquid controlou o nervosismo na defesa e fechou a partida em 7 a 5.

João “Muringa”, da Liquid, explicou a estratégia da equipe: “Não esperávamos essa escolha de mapa por parte da FaZe, mas estávamos preparados para surpresas por conta da proximidade do Six Invitational. No Litoral, sabíamos que podíamos jogar tranquilos na defesa, porque o ataque leva muito mais vantagem. Vacilamos algumas vezes, mas era questão de tempo para sairmos vitoriosos”.

Quem também termina o primeiro turno do campeonato com moral é o MIBR. Contra a Black Dragons, o time comandado por José “Bullet1” se impôs no mapa Mansão com boa rotação defensiva, que rapidamente garantiu a vitória por 7 a 2 sobre a BD e mais três pontos para o time, que se manteve perto da briga pelas primeiras posições.

Lucas “Mohamad”, manager do MIBR, analisou o desempenho do time na PL até aqui: “Tivemos alguns resultados ruins nesta primeira parte da Pro League, mas é uma situação complicada porque estamos perto de outra grande competição e é difícil conseguir se manter 100% em ambos os torneios. Esperamos ir bem no próximo split para buscar uma vaga nas finais”.

No fechamento da rodada, INTZ e Team oNe fizeram o confronto mais equilibrado do dia. No mapa Casa de Campo, os Golden Boys apostaram na agressividade, enquanto os Intrépidos mantiveram o controle das ações. As duas equipes trocaram rodadas do início ao fim e terminaram empatadas em 6 a 6.

Para o coach da Team oNe, Matheus “Budega”, o resultado não foi o esperado, mas o desempenho do time mereceu destaque: “Estamos no caminho certo. Nós sabíamos que o INTZ foca muito na análise e conhecem todas as estratégias do seu rival, então procuramos mudar o máximo possível e fizemos uma boa partida”.

Já Daniel “moody”, manager do INTZ, fez um balanço do atual momento do time e elogiou a atuação: “Acredito que tenha sido uma grande partida para quem assistiu. Não vínhamos bem, mas acho que esse duelo serviu de superação para a equipe, já que no último jogo que disputamos neste mapa, contra a NiP, não conseguimos ganhar nenhum ataque. Evoluímos e foi um ótimo confronto”.

DESCASCANDO AO VIVO!
CURRENTLY OFFLINE