Mais uma medida segurança para o Android

Google está impedindo login em dispositivos não-certificados com Android, essa é uma forma de manter algum controle de como o sistema chega aos usuários. O licenciamento serve para dar permissão livre de uso dos serviços como a Play Store, Gmail e Maps.

Alguns aparelhos não atendem aos requisitos do Google, mas embutem seus serviços mesmo assim — e podem perder funções importantes em breve. As empresas devem cumprir algumas regras para usar os serviços, entre elas instalar os apps do Google de forma conjunta (todos os apps essenciais, como Youtube, Google Play, Google Drive, GMail, etc.), exibir os ícones corretamente, e se adequar a alguns requisitos de compatibilidade.

Em tese, os apps do Google só poderiam ser usados se viessem pré-instalados ou se fossem baixados na Play Store. No entanto, eles podem ser encontrados facilmente em meios alternativos, como fóruns e app stores não-oficiais. Os aparelhos que não atendem às normas podem exibir um aviso informando de que não são certificados:

Em vigor desde 16 de março, o bloqueio aparece em tentativas de login na conta do Google e indica que o fabricante não pode oferecer os aplicativos. Para os usuários, a única saída é reclamar com o fabricante, já que os serviços não poderão ser utilizados no dispositivo.

Os usuários de ROMs customizadas também deverão ser afetados pela nova medida. O Google, no entanto, oferece uma alternativa para esse grupo: o bloqueio pode ser desabilitado ao inserir o Android ID nesta página. A informação é obtida no ADB (Android Debug Bridge), ferramenta para desenvolvedores que oferece dar controle sobre o sistema.

Olhando por outro ângulo

Olhando por outro ângulo, o lado dos desenvolvedores de ROM’s, isso seria ruim em decorrência de que todas as versões de suas ROMs precisariam ter licença de distribuição toda vez que forem atualizadas, e também obrigaria, pelo menos aos que querem usar os apps da Google e ter uma versão personalizada do Android, aos desenvolvedores instalarem esses GApps.

Os meios de validar a licença de uso no seu celular para os desenvolvedores tem uma página própria para licenciar sua ROM para todos os seus usuários. E para os usuários de pequenas ROMs e/ou ROMs não licenciadas você pode registrar individualmente o seu Android inserindo o seu AndroidID ou o IMEI neste link

Mas isso não será um problema, pois como a Google, a grande do Android, reconhece que o mercado de ROM personalizada é suficientemente grande e assim não impedirá de usar os aplicativos do Google não oficialmente.

Rafael Casanje

Programador mirim, amante da informática desde os 8 anos, jogador profissional de Pinball Space Cadet e adora séries!

Estamos ao vivo!
CURRENTLY OFFLINE