Aplicativos do Google sendo usados na educação

Apps do Google serão usados na sala de aula das escolas municipais de Curitiba

Prefeitura fecha parceria com multinacional para usar recursos tecnológicos nas escolas

As escolas municipais de Curitiba utilizarão ferramentas do Google em sala de aula a partir de 2018. O prefeito Rafael Greca (PMN) e a secretária municipal de Educação, Maria Silvia Bacila, reuniram-se sexta-feira (24) com representantes da multinacional de tecnologia em São Paulo para acertar os últimos ajustes do acordo. A parceria não terá custos ao município.

Os professores da rede municipal poderão usar os recursos do Google para fazer o planejamento de aulas, bem como em atividades dentro da sala de aula. Entre as ferramentas que os professores poderão utilizar, dentro do programa Gloogle for Education, estão os aplicativos Sala de Aula, Gmail, Drive, Calendário, Docs, Planilhas, Formulários, Slides, entre outros.

“Acreditamos que essa parceria levará será responsável por simplificar o uso de tecnologia para educadores e alunos”, observa Alexandre Campos, diretor da Google for Education no Brasil.

Como vai ser usado

Os aplicativos ficarão disponíveis na nuvem – com acesso a partir de qualquer computador -, sendo usado por professores e gestores das escolas. Além disso, os professores poderão acompanhar de forma mais fácil o desempenho dos alunos, já que a sala virtual permite organizar todas as turmas em um só lugar.

Dessa maneira, o educador pode agendar e corrigir suas atividades com os estudantes, sem necessidade de usar papel. Os professores também poderão criar roteiros de aulas multimídia, com vídeos e jogos educacionais. Os arquivos poderão ser compartilhados e editados de forma colaborativa e simultânea. Segundo o Google, os dos dados das escolas não serão retidos e nem o conteúdo será explorado comercialmente.

As aulas também poderão ser ministradas com o auxílio do Google Expedições, além do Google Maps, Earth e Street Views. Com esses recursos, aulas de Geografia e História, por exemplo, tornam-se interativas, com a possibilidade de se fazer viagens virtuais a diferentes lugares do mundo e até mesmo ao espaço ou uma simples expedição pelo próprio bairro da escola.

Email corporativo

Com os aplicativos do Google, as escolas e CMEIs também poderão ter e-mails corporativos tendo como domínio o nome da própria unidade. A comunidade escolar terá armazenamento ilimitado no Gmail e Google Drive e acesso compartilhado ao Google Drive, Google Agnda e outros aplicativos. Não haverá divulgação de anúncios nessas contas, que terão suporte 24 horas por dia.

Veja mais notícias:

Curta: @CebolaVerde
Acesse: https://CebolaVerde.com.br
Siga: instagram.com/cebolaverdebr

Fontes: Gazeta do Povo

Rafael Casanje

Programador mirim, amante da informática desde os 8 anos, jogador profissional de Pinball Space Cadet e adora séries

Estamos ao vivo!
CURRENTLY OFFLINE