A valorização do papel da mulher dentro da cultura hip hop é destaque de novo clipe de Vera Verônika

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Faixa “Mulher de Aço” conta com participação especial de várias artistas do DF.

A rapper brasiliense Vera Verônika mira seus versos no machismo presente dentro da cultura hip hop e como a presença do rap na vida das mulheres pode ser uma válvula de escape para os problemas diários que enfrentam. Tudo isso está presente em “Mulher de Aço”, que faz parte do DVD “Vera Verônika 25 anos” e chega agora ao YouTube.

“Mulher de Aço” foi escrita originalmente em 2009 para integrar a coletânea “Mulheres Guerreiras”, com produção do DJ Raffa Santoro. Na versão lançada agora, a faixa ganha nova roupagem com a participação com várias mulheres da cultura hip hop do DF, indo do rap ao graffiti com artistas como DJ Donna, Miáh, Guerreira Lilia, Cléo Street, BSB Girls, Fabiana Balduína, Priscila Dayana Paixão, Sandra Kelly Lima e Thamiris Martins.

“A narrativa musical decorre sobre o desafio da mulher no cenário do hip hop que, em meio a um espaço machista, se ressignifica a cada dia através do graffiti, break, poesia e música. Utiliza a arte como válvula de escape do cotidiano familiar e financeiro, além de denunciar séculos de opressão e violência”, conta Vera Verônika.

A artista sempre usou sua música como plataforma para discutir questões sociais. Rapper, compositora, mantenedora de abrigo infantil, pedagoga, empreendedora e consultora nas causas de Direitos Humanos, Vera Verônika sempre foi muitas mulheres. Uma das pioneiras no rap nacional e primeira rapper feminina do Distrito Federal, Vera encontrou na cultura do hip hop a força necessária para lutar contra tudo o que parecia injusto. A artista segue revelando novas faixas e clipes após lançar, em 2018, o DVD “Vera Verônika 25 Anos” e o álbum “Afrolatinas”.

VOCÊ TAMBÉM PODE CURTIR