CHILE CAMPEÃO – Copa América Centenário

Na edição comemorativa de 100 anos da Copa América, realizada mais para gerar dinheiro do que por outro motivo. Os Estados Unidos da América viram, na noite deste domingo, 26, o Chile confirmar sua posição como uma potência sul-americana ao bater a Argentina nos pênaltis por 4 a 2, após um placar de 0 a 0 no tempo regulamentar e na prorrogação.

Foto: Twitter oficial da seleção chilena
Foto: Twitter oficial da seleção chilena

Em partida que o árbitro brasileiro, Héber Roberto Lopes, fez de tudo para aparecer mais do que os jogadores, distribuindo cartões, expulsando um jogador de cada lado: Díaz, pelo Chile, e Rojo, pela Argentina, os chilenos foram muito fortes coletivamente. A Argentina, individualmente, tem jogadores melhores que seus adversários de hoje, mas a equipe chilena é muito forte. O trabalho de Jorge Sampaoli, agora herdado por Juan Antonio Pizzi, é de se louvar.

Sem título

A ordem das cobranças foi a seguinte: pela Argentina, Messi, Mascherano, Agüero e Biglia bateram. Pelo Chile, Vidal, Castillo, Aránguiz, Beausejour e Silva cobraram. Os erros e acertos estão em ordem de acordo com a imagem acima. Portanto, Messi, considerado o melhor jogador do mundo para muitos, perdeu sua cobrança. A Argentina não conquista um título da categoria profissional de futebol desde 1993 e o jejum prosseguirá. O Chile, por sua vez, nunca foi tão vitorioso e pode comemorar o bicampeonato da América!

Lucas Colenghi

21 anos. Uberabense. Estudante de Letras – Português/Inglês, já me aventuro como professor. Odeio escanteio curto e acordar cedo. Tenho uma enorme paixão pelo futebol, pela língua inglesa e por games. Também estou no Tottenham Brasil.

Estamos ao vivo!
CURRENTLY OFFLINE